letras, sons, imagens -- revolução & conservação -- ironia & sarcasmo -- humor mau e bom -- continua preguiçoso
28
Jul 07
publicado por RAA, às 23:23link do post | comentar | ver comentários (3)
de Cinco Vezes Dois, de François Ozon, com Valeria Bruni-Tedeschi e a música de Paolo Conte valem, o fim, Valeria e Conte, todo o filme

publicado por RAA, às 22:44link do post | comentar
ASSIM PENSO E ASSIM O DIGO

Se alguém
Cai num choro e se debruça
Na mágoa que as próprias lágrimas dão,
Devemos falar, apenas,
Com palavras de ternura
Que envolvam
Esse triste coração.

Se é crueldade mostrar-se
Que nos fugiu a coragem para a luta
E que não somos mais
Do que um farrapo vencido,
Sem luz, sem fé, sem valor,
-- Cruel é quem ao aflito repreende
O amargo sentir da sua dor.


Baionetas da Morte

27
Jul 07
publicado por RAA, às 19:28link do post | comentar


publicado por RAA, às 09:55link do post | comentar | ver comentários (4)
Ele compensava(-me d)os anos medíocres.



26
Jul 07
publicado por RAA, às 23:12link do post | comentar
Dizer tudo em duas palavras.

publicado por RAA, às 22:47link do post | comentar | ver comentários (3)
Natalie Wood

publicado por RAA, às 19:27link do post | comentar

25
Jul 07
publicado por RAA, às 22:42link do post | comentar


publicado por RAA, às 22:37link do post | comentar
As sociedades humanas, sob pena de perecerem, são forçadas a voltar aos princípios fundamentais. Sendo os meios de produção obra colectiva da humanidade, têm que voltar à colectividade humana de onde saíram. A apropriação pessoal não é justa nem é útil. Tudo é comum, porque comum é a necessidade.


A Conquista do Pão
(tradução de Manuel Ribeiro)

publicado por RAA, às 19:47link do post | comentar | ver comentários (2)

mais sobre mim
Julho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9





pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO