letras, sons, imagens -- revolução & conservação -- ironia & sarcasmo -- humor mau e bom -- continua preguiçoso
24
Nov 08
publicado por RAA, às 23:14link do post | comentar | ver comentários (4)

Retrospectiva de Bertolucci. Cinema, sexo e revolução. Lamento não ter podido rever La Luna (1979) e a espantosa Jill Clayburgh, filme gamado, juntamente com O Último Imperador (1987), há cerca de 18 anos, quando me assaltaram a casa. Também não me importaria de ter revisto The Dreamers (2003), ou o épico Novecento (1976). Fiquei-me por dois, logo neste primerio dia.
Tive azar com o Partner (1968), história dum intelectual com a personalidade desdobrada em homem de acção. Demasiado datado, provocador há 40 anos, vê-se hoje com enfado.
Ao contrário de O Último Tango em Paris (1972), que se aguenta muito bem. Não propriamente pela transgressão, mas pelo que de permanente regista de encontros e desencontros. Marlon Brando está soberbo, e a música de Gato Barbieri fica-lhe colada. Vi-o, curiosamente, na mesma sala, muito anos depois.

publicado por RAA, às 22:20link do post | comentar

mais sobre mim
Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

20


30


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO