letras, sons, imagens -- revolução & conservação -- ironia & sarcasmo -- humor mau e bom -- continua preguiçoso
09
Set 10
publicado por RAA, às 19:51link do post | comentar
LÁ NO ÁGUA GRANDE

Lá no «Água Grande» a caminho da roça
negritas batem que batem co'a roupa na pedra.
Batem e cantam modinhas da terra.

Cantam e riem em riso de mofa
história contadas, arrastadas pelo vento.

Riem alto de rijo, com a roupa na pedra
e põem de branco a roupa lavada.

As crianças brincam e a água canta.
Brincam na água felizes...
Velam no capim um negrito pequenino.

E os gemidos cantados das negritas lá do rio
ficam mudos lá na hora do regresso...
Jazem quedos no regresso para a roça.


in No Reino de Caliban II
(edição de Manuel Ferreira)

publicado por RAA, às 19:43link do post | comentar
Não falavam. Entre eles pesava um daqueles sentimentos comprometidos que quase sempre anunciam aventura amorosa. Ruben A.
A Torre da Barbela

publicado por RAA, às 15:45link do post | comentar | ver comentários (2)

mais sobre mim
Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO