letras, sons, imagens -- revolução & conservação -- ironia & sarcasmo -- humor mau e bom -- continua preguiçoso
04
Nov 07
publicado por RAA, às 23:11link do post | comentar
A minha vizinha e excelente blogger Ana Vidal, do Porta do Vento e dos Pastéis de Nada lançou-me o desafio da «página 161»:
1. Pegue no livro mais próximo, com mais de 161 páginas -- implica acaso e nãoescolha.
2. Abra o livro na página 161.
3. Na referida página procure a 5.ª frase completa.
4. Transcreva na íntegra para o seu blogue a frase encontrada.
5. Passe o desafio a cinco bloggers.

À minha direita tenho a Chronologie de la Bande Desinée, de Claude Moliterni e Philippe Mellot, editada pela Flamarion, em 1996, que me tem servido de cábula para estes postalinhos a propósito das 10 BD's do Século XX, escolhidas entre as 100 mais significativas e que estão a ser objecto duma exposição no Festival Internacional de BD da Amadora deste ano.
Curiosamente fui parar ao ano do meu nascimento, 1964, o ano da incrível Mafalda, de Quino, de Howard Flynn, de Yves Duval e William Vance (o extraordinário desenhador de XIII), do Dare Devil (Demolidor) de Stan Lee e John Romita, o super-herói cego, que é o favorito do meu filho António, e, entre outras séries, a sátira hilariante O Mago de Id, de Brant Parker e Johnny Hart.



A 5.ª frase da pág. 161 é a seguinte:

«TheKing règne sur ce monde d'imbéciles avec autorité.»

Passo a

Purpurina, do Eteceteras Entre Tempos;

JRP, do Combóio Azul;

Paulo Cunha Porto, do As Afinidades Efectivas;

Paulo Ferrero, do Cine-Australopitecus;

Ruela, do Neo-Artes.



feito e com uma "dedicatória" para o Abencerragem :)
Ruela a 5 de Novembro de 2007 às 12:45

Este tipo de escolha é sempre difícil.
Por vezes é o que está mais à mão.
Vieira Calado a 5 de Novembro de 2007 às 13:01

Ai, Compadri, já dei para esse peditório, pelo que peço escusa da corrente. Todavia ainda encaro a hipótese de postar, caso dê com qualquer coisa de invulgar.
Ab.
O Réprobo a 5 de Novembro de 2007 às 18:15

Perfeito, Ruela, obrigado.

Neste caso, foi mesmo assim, Vieira Calado... Saudações cordiais.

Escusadíssimo, meu caro!
Ab.
RAA a 5 de Novembro de 2007 às 20:02

Obrigada, vizinho. E já percebo porque é que se ria... mas olhe que bem que lhe saiu a frase, hein?
ana vidal a 5 de Novembro de 2007 às 20:37

Na mouche, vizinha.
RAA a 5 de Novembro de 2007 às 22:54

Obrigado, eu já merecia :-)
Amanhã, tratarei disso!
Abraço,
JRP a 6 de Novembro de 2007 às 02:43

demorou, mas já está.

obrigada.
purpurina a 23 de Novembro de 2007 às 18:19

mais sobre mim
Novembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9





pesquisar neste blog
 
blogs SAPO