letras, sons, imagens -- revolução & conservação -- ironia & sarcasmo -- humor mau e bom -- continua preguiçoso
24
Abr 09
publicado por RAA, às 18:16link do post | comentar
A sala. A lareira. Fantasio-me escritor de memórias. Sopro as achas ainda esquentadas de restos de cinzas. Cego e vacilante. O meu destino é descrever-te em vez de te amar.

!!!!!!!!!!!!!!!!
Rose a 24 de Abril de 2009 às 23:48

Tavez descrever seja o mesmo que amar. Só falamos daquilo que nos tocou, do que entrou em nós para não mais partir. A memória do outro
é o eu que sente, amálgama de sujeito e objecto. Transforma-se o amador na coisa amada, como dizia o lírico.
(Pensamentos de domingo, já se vê.)
Até dia 8 (não é?) com o Javier Cercas.
Abraço
d.e. a 26 de Abril de 2009 às 17:02

Rose: !

Manuel: talvez seja... Ainda bem que consegue pensar ao domingo. Eu cá...
Até dia 8 e um abraço
RAA a 26 de Abril de 2009 às 17:25

mais sobre mim
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9


25



pesquisar neste blog
 
blogs SAPO